Sedenta de sexo.

Bem, desde pequena eu sempre tive muitos pensamentos e fantasias eróticas e hoje, com 20 anos, sei aproveitar muito bem essas fantasias. Eu sou uma garota muito bonita, tenho 1,68m de altura e meu peso é 54kg. Sou morena e tenho os cabelos longos.

Conheci o Júnior em um bar na Zona Sul da cidade. Eu estava dançando quando de repente, senti algo por trás. Era um cara sarrando minha bundinha. Acabei gostando dele e começamos a conversar, e o Júnior não conseguia disfarçar o tesão que estava sentindo.

Não demorou muito e nós já estávamos a caminho do motel. Lá chegando, ele foi logo rasgando minha calcinha e chupando minha buceta, cheia de um líquido denso. Eu estava louquinha de tesão.

Ele mordiscava o meu clítoris feito louco, e dava estocadas fortes com a língua na minha buceta enquanto enfiava um dedo no meu cu.

Começamos a fazer um 69 delicioso. Que pica grossa que ele tinha. Ele estava praticamente rasgando a minha boca com um vai e vem alucinante.

De repente senti um jato forte na garganta. Aiiiiiiiiii!!! Que tesão!! Eu engoli toda sua porra, sem desperdiçar uma só gota.

Depois de alguns minutos ele me colocou de quatro e começou a brincar com a cabeça do pau na minha buceta. Comecei a rebolar naquele mastro gostoso. Em uma das minhas reboladas, eu me distraí e algo inesperado aconteceu.

“Auuuuu!! Aiiiii!!! Não era pra entrar aí não, seu safado!!!” – gemi e gritei quando a pica do safado deslizou para dentro do meu cú, em uma enfiada só.

Que loucura!! Eu estava esperando a pica dele na minha buceta e agora eu estava tendo o meu cuzinho fodido com toda força, me abrindo todinha.

Eu gemi descontroladamente e gozei intensamente. Ele enfiava o pau até o talo e suas bolas batiam na minha buceta, alisando, tirando um sarro do meu grelo.

Ele sabia mil posições, e eu nunca tinha variado tanto. Transamos em pé, sentados, de quatro, de bruços. Uma das posições que mais gostei foi quando o Júnior me penetrou de pé. Ele me fodia me empurrando na parede e falando besteiras no meu ouvido.

Eu podia sentir sua pica batendo no meu útero e quase as bolas entravam na minha bucetinha. Gozei muito e depois o meu macho gozou bem gostoso dentro da minha xoxotinha. Descansamos um pouco e fomos tomar um banho, debaixo do chuveiro lhe disse que queria ser enrabada na piscina. Ele então me levou pra piscina e me jogou na água.

Ele estava com o pau duro mas não do jeito que eu queria. Então falei que queria ver ele se masturbando. Não demorou muito e ele já estava com a mão no pau fazendo um vai e vem apressado. Antes que ele gozasse eu o chamei pra água.

Ele então começou a enfiar seu pau de cabeça grande no meu cu. Que delicia!!! Eu rebolava e ao mesmo tempo gemia e me tremia toda, ao sentir aquela pica gostosa penetrar o meu cuzinho apertado. Ficamos nessa sacanagem até mais ou menos 4 horas da manhã.

Não nos vimos durante algum tempo mas sempre que nos encontramos no bar temos que sair e dar uma trepada.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s